tops 2010 | 5 acontecimentos

Vamos lá, 5 fatos que marcaram minha vida em 2010. Se isso interessa a você? Ah, bobagem, gente!

# Assistir Six Feet Under

O Felipe Rocha, aquele lindo do Indubitavelmente, me fez o favor – ok, só tive que emprestar uns 30 DVDs a ele – de compartilhar seus boxes de Six Feet Under, série que, possivelmente, é a melhor coisa que já fizeram na televisão norte-americana. Trocá-la por alguns filmes era uma atitude dolorosa, mas sempre válida, já que é impossível ficar indiferente a um episódio da série – vivo tendo descontroles emocionais -, quase um dossiê sobre a vida e a morte. Faltam 11 episódios para chegar ao fim, mas eu não quero me despedir da família Fisher. Assista antes de morrer, sem trocadilhos.

# Sair da igreja [Vou para o inferno?]

Eu cansei. Cansei de religião, cansei de ter que seguir o que um homem fala no púlpito – sem eu poder questionar demais, porque se eu questionar demais tenho grandes chances de ser repreendido e me sentir culpado por agir diferente -, cansei de acreditar que a Bíblia pode ditar por completo nosso comportamento hoje, cansei das pessoas que pregam amor e são incapazes de aceitar diferenças, cansei de pessoas que falam de Jesus aos berros – quando que Jesus era pura mansidão -,  cansei porque me apresentaram um Deus que é muito diferente do qual eu creio. Prefiro passar as noites de domingo em minha casa.

# – Mãe, sou gay.

Saiu um elefante das minhas costas. Comecei com um “Mãe, não sei nem se Deus me aceita, mas eu queria que você me aceitasse” para impactar de uma vez. A partir daí seguiu uma conversa linda, choro e, no fim, compreensão. E essa foi a maior prova de amor que já recebi na vida.

# Primeiro trabalho profissional

A faculdade de cenografia me fez conhecer uma outra arte a qual, ao que tudo indicada, vai me acompanhar para o resto da vida: indumentária. Daí que um grupo de amigos resolveu formar uma companhia de teatro, montaram uma peça e, como um tiro no escuro, me convidaram para assinar os figurinos. Resultado: além de premiada em festivais, seguiremos para uma segunda temporada num importante teatro aqui do Rio. Continuo pobre, mas feliz por já ter começado uma carreira que torço para ir longe, muito longe.

# Fazer psicanálise

Não que eu seja muito problemático, mas chegou uma hora que era confusões demais e explicações de menos. Solução: Freud! Saio das sessões ora me sentindo um merda, ora revigorado, mas o processo é válido. Parece que muda principalmente a forma de lidar com nossas próprias atitudes, passadas agora a uma rigorosa análise feita por nós mesmo. O que é importante, ainda que por vezes cansativo.

Em tempo,

eu e meu Wall-E natalino desejamos a todos os cinco queridos leitores, um brega…

*não sei tirar foto de natal

E um 2011 repleto de bons filmes e realizações!

Anúncios

  1. Ainda bem que deu os devidos créditos, né. E pode ir preparando tua coleção de DVD porque assim que você me devolver Six Feet Under eu já te passo The Sopranos, aquela coisa linda.

    E eu tenho curiosidade pra saber o que você fala pro Dr. Paul, mas enfim.

  2. Gostei muito. Mas pode deixar que dessa vez não vou publicar um post paralelo aqui… xD
    e eu quero ver sfu… Pergunte ao Felipe o que eu preciso fazer para consegui-lo. Não tenho dvds interessantes e não vendo o corpo.

    2011 tem mais né?!

    beijo.

  3. Gente que não me conta as coisas… ¬¬” [to meio puto ainda, ok. mas deixa]. Quando eu for aí, vou roubar esses boxes de SFU do Felipe e só vou devolver quando ele vier aqui, muahahaha, então acabe logo. Acontecimentos muito importantes esses, tirando SFU, diria que foram grandes passos na sua vida, fico feliz por você, baby – apesar de você não me contar as coisas, rs – Parabéns, está virando um hominho. Eu queria fazer psicanálise pra ver se ajuda em algumas coisas, mas mais pra ver se eu passo a ter menos ataques de falação mesmo. E achei uma coisa muito curiosa no seu post, no tópico sobre religião tu colocou “Sair da igreja [Vou para o inferno?]” isso pra mim é mais do que uma prova de que tu fez a coisa certa, não sei se esse era o seu principal motivo pra frequentar ou não uma igreja, mas se você ia pra se livrar da concepção cristã de inferno(como muitos), então realmente esse era um hábito problemático.

  4. Antes de qualquer coisa.. toda vez que leio SFU, entendo Sifudeu! huahuahuahuahua
    Esqueceu de mencionar a nova viagem épica pra BH! rsrs
    Adorei o post…
    Puta merda como tenho inveja de cmo vc escreve…

  5. Six Feet Under é a melhor coisa que já vi em série, melhor até que Lost, até então minha série favorita. Comecei a 4a temporada, mas tô curtindo cada capítulo (já estou com dó de acabar)

    E parabéns pelos progressos em 2010. Você será ainda melhor em 2011 ;)


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s