museu da imagem do cinema #3

janeladaalma

JANELA DA ALMA

de João Jardim e Walter Carvalho, 2001

Janela da Alma é o documentário mais incomum que assisti até o momento. O primeiro motivo é o seu tema; o filme aborda o “olhar” em todas as suas variantes. Com depoimentos de cegos ou de pessoas com visão deficiente, mergulhamos na vida de alguém que vive na escuridão da cegueira e conhecemos fatos inimagináveis, como um fotógrafo totalmente cego, o qual mede com a mão a distância que separa a câmera da modelo fotografada e se mostra um dos casos mais desconcertantes do longa, pois não consegui ter idéia de alguém fotografar uma imagem, enquadrar uma cena de forma unicamente subjetiva, que não é de seu conhecimento – ainda que, como foi dito, tenhamos a alma para senti-la. Já ao ouvirmos escritores, poetas, cineastas [Win Wenders é um deles], avançamos para uma questão do olhar ora filosófica – devaneando sobre a famosa característica que o título do filme lhe atribui -, ora técnica e física – a relação de seu próprio olhar com o trabalho que exercem.

Esse conteúdo original se torna ainda mais interessante com as tomadas inesquecíveis captadas com a fotografia do sempre competente Walter Carvalho, que também assina a obra como co-diretor. Nunca vimos a derme humana de tão perto a ponto de seus pêlos e digitais serem apresentadas com total nitidez e riqueza de detalhes; o macro é tanto que existe a dificuldade de saber qual parte do corpo está sendo exibida [há um momento que só percebi uma barriga quando a câmera alcançou o umbigo, que nada mais era que um buraco negro no meio de um campo de pele]. Uma câmera desfocada proporciona ao espectador olhar pela janela de um carro [o frame que ilustra o post]  e avistar uma cidade da maneira que nossos olhares não são capazes – uma longa sequência que acompanhada de uma trilha sonora discreta e envolvente torna-se mais incrível. Porém, o mais interessante é tais cenas serem um recurso de metalinguagem para o próprio tema do documentário e,  com elas, manipular o olhar do espectador diante à natureza – e mais que isso: exemplifica que o cinema é também um olhar subjetivo de seus autores sobre a realidade.

E o final, impossível ser mais lindo.

nota | 9
mais informações | adorocinema, imdb
Anúncios

    • Murilo, os depoimentos dele são um dos melhores mesmo. Nos extras do DVD ainda tem mais alguns minutos com ele. Muito bom. []s!

      Vinícius, hehehe! Conhecendo um pouco mais, a gente descobre que tem muita coisa boa. E que bom que meu maior intuito com meus comentários está surtindo efeito em você. hehe E “For the Bible Tells Me So” é incrível, o tipo de filme que eu sempre quis que realizassem. Ao menos para mim, é um assunto muito pertinente e tudo é trabalhado com muito cuidado. Achei fácil por torrent. Se ver, dê um alô aqui e diga o que achou, blz? []s!

      Kau, hahahahahahahaha! Você foi escolher uma aula muito ruim para faltar. xD Mas dá para consertar o erro. []s!

      Leonardo, aê! xD Pode crer, cara. Nunca vi documentário com fotografia tão linda. []s!

      Suzi, como nunca vi vendendo, vou copiar o DVD que está aqui e depois te empresto Beijos.

  1. Puxa, você está gostando mesmo do cinema nacional, hein? ;) Na verdade suas críticas estão fazendo com que eu já pense em procurar mais filmes de nossa produção mesmo. Esse “Janela da Alma” eu sempre quis ver, quem sabe agora depois de seus comentários!

    E vi que você viu “For the Bible Tells Me So”, um que estou morrendo para ver!!!

  2. Jeff, quando eu fiz um cursinho para adentrar na Faculdade de Cinema aqui de Curitiba, um dos preofessores dedicou uma aula para este documentário. Acreditas que faltei a aula??? HAHAHAHAHAHAHA. Não foi de propósito…

    Devo assistí-lo o mais rápido possível.

    Abraços.


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s